Grupo ISA inicia novo projeto de conservação na Amazônia Peruana

O Grupo ISA anuncia o apoio a mais uma iniciativa de conservação ambiental no Peru, por meio do programa Conexão Jaguar. O projeto REDD+ (Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação Florestal) é administrado pela Biored - organização que desenvolve atividades de conservação florestal na região de Ucayali, no Peru – e receberá apoio da ISA e de seus aliados técnicos na conservação de uma área de mais de 61 mil hectares.
 
“Esse é o segundo maior projeto apoiado pelo Conexão Jaguar fora da Colômbia e com ele esperamos contribuir com a compensação de 513.905 toneladas de CO2. Para nós, é uma grande satisfação já termos cumprido mais de um terço da nossa meta global, que é compensar a emissão de 9 milhões de toneladas de CO2 até 2030.”, explica María Adelaida Correa, diretora corporativa de Sustentabilidade do Grupo ISA.
 
De acordo com estudos realizados pela Biored, existe uma grande diversidade de espécies da fauna em estado de ameaça na região, como a onça-pintada, a anta e o tatu-canastra. Já entre as espécies de flora ameaçadas estão o cedro e o mogno.
 
Pesquisadores da Panthera, aliado técnico da ISA no programa Conexão Jaguar, instalaram mais de 50 câmeras em 20.000 hectares do projeto. O objetivo é estudar o status de conservação de vertebrados médios e grandes e, através de registros fotográficos e de vídeos, conhecer a presença e abundância de animais na área administrada pela Biored.
 
O ecossistema amazônico, que também está presente no Brasil, é considerado um dos biomas mais importantes do mundo. O apoio a iniciativas como essa demonstra, na prática, o comprometimento da ISA com a criação de um futuro baseado no Valor Sustentável.
 
Conexão Jaguar 
É o Programa de sustentabilidade do Grupo ISA e suas empresas (dentre elas, a ISA CTEEP) que, em conjunto com os parceiros South Pole e Panthera, tem como objetivo contribuir com a conservação da biodiversidade, com a mitigação das mudanças climáticas, com o desenvolvimento das comunidades rurais e sua conectividade com os habitats naturais da onça-pintada na América Latina.
 
COMO FUNCIONA
O Programa fornece suporte técnico e financeiro para iniciativas de reflorestamento e conservação de florestas, que passam a emitir e comercializar créditos de carbono certificados sob os mais altos padrões internacionais.
 
CRÉDITO DE CARBONO
Crédito de carbono é um instrumento econômico certificado internacionalmente e sua venda gera renda para contribuir com ações locais. Um (01) crédito de carbono equivale a uma (01) tonelada de gás carbônico (CO2) que deixou de ser emitida ou que foi absorvida da atmosfera.
Voltar