ISA CTEEP obtém Licença Ambiental de Instalação para Linha de Transmissão em Biguaçu, no estado de Santa Catarina

  • Com extensão aproximada de 28 km, o projeto de construção da linha de transmissão prevê trecho aéreo, submarino e subterrâneo, garantindo maior confiabilidade no fornecimento de energia local
  • Com investimento de R$ 641 milhões, o projeto potencializará o desenvolvimento econômico, social e tecnológico do Estado. Expectativa é criar cerca de 200 vagas para profissionais da região
São Paulo, 19 de março de 2021 – A ISA CTEEP, maior transmissora privada de energia elétrica do país, obteve do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) a Licença Ambiental de Instalação da Linha de Transmissão 230kV, que interligará os municípios de Biguaçu e Florianópolis, no estado de Santa Catarina (Interligação Elétrica Biguaçu). Com isso, as obras já podem ser iniciadas com a expectativa de contratar mais de 200 profissionais. Neste ano, a companhia também já tinha recebido a licença para a subestação e equipamentos do projeto.
O empreendimento, arrematado no lote 01 do leilão de transmissão realizado em junho de 2018, conta com a ampliação de uma subestação e a construção de outra e de uma linha de transmissão de 28 km, incluindo trechos aéreos, submarinos e subterrâneos.




Balsa que percorrerá o trecho subaquático do projeto

A Interligação Elétrica Biguaçu vai aumentar a oferta e melhorar a confiabilidade do fornecimento de energia para toda a região da Grande Florianópolis, além de dar maior estabilidade de tensão e segurança operacional. Seguindo o critério de contingência das capitais do Brasil, Florianópolis deve ser abastecida por dois ou mais sistemas de transmissão interligados diretamente à rede básica, que são ativos mais confiáveis. Atualmente, o município tem um. Com a IE Biguaçu, serão três, evitando a interrupção do fornecimento de energia, em casos de oscilação em um circuito.

Com isso, assegurará maior confiabilidade no fornecimento de energia elétrica para o estado, potencializando o desenvolvimento econômico, social e tecnológico local. Ao ampliar a capacidade para suportar o aumento de cargas decorrente da expansão das atividades econômicas, a região terá mais um atrativo para novos empreendimentos.

“Com o início da implementação desse importante projeto, vamos contribuir para robustez ao Sistema Interligado Nacional (SIN). Esse é mais um dos empreendimentos que está em linha com a nossa estratégia de geração de valor sustentável à sociedade”, diz Rui Chammas, diretor presidente da ISA CTEEP.
 
A Linha de Transmissão 230 kV Biguaçu – Ratones é composta por dois circuitos, com extensão aproximada de 27 km cada. Tem início na subestação de Biguaçu e segue por trecho aéreo até a Baía Norte, onde se transforma em trecho subaquático e, em Florianópolis, segue até a subestação Ratones por trecho subterrâneo, com o objetivo de minimizar a interferência da Linha em áreas povoadas da cidade. 
O investimento ANEEL é de R$ 641 milhões e a Receita Anual Permitida (RAP) é de R$ 42 milhões no ciclo 2020-2021. O prazo estipulado pela Agência para energização é setembro de 2023.
  
Sobre a ISA CTEEP

Com uma equipe de cerca de 1.400 colaboradores, a ISA CTEEP está presente em 17 estados do Brasil, operando uma complexa rede de transmissão por onde trafegam 33% de toda energia elétrica transmitida no País e 94% no Estado de São Paulo. Seu sistema elétrico é composto por mais de 20 mil quilômetros de linhas de transmissão e 140 subestações (ativos em operação e em construção). Privatizada em 2006, o principal acionista é o Grupo ISA, que detém 35,82% do capital total.

Informações para a mídia 
 
CDI Comunicação
Andresa de Oliveira – andresa.oliveira@cdicom.com.br
(11)3817-7919 | cel. (19) 99771-7745
 
Márcia Avruch – marcia.avruch@cdicom.com.br
(11) 3819-7964 | (11) 98397-7805
 
Voltar